Diário de viagem pt. 2: Juntos pelo Rio Doce

Segue a segunda parte do relato de Lucas Harada, coordenador de comunicação da Juntos, que esteve na região do Rio Doce. A primeira parte da viagem está aqui.

Iniciamos o segundo dia indo direto para o Instituto Terra.
Conseguimos um bom contato por lá com o Herbert, então mesmo sem ter um horário marcado nós fomos até lá para ver o que conseguiríamos.
Foi ótimo a surpresa, conhecemos a Andressa que coordena um projeto de formação técnica para jovens. É um programa que dura 1 ano e os jovens moram lá no Instituto durante esse período, aprendendo diversas atividades sobre reflorestamento e recuperação de nascentes.

O Instituto Terra tem um trabalho para conseguir recuperar se não me engano umas 3000 nascentes na região do Rio Doce, mas é um projeto que vem muito antes do desastre que aconteceu. Eles acreditam que este trabalho vai levar pelo menos 30 anos, já que cada nascente precisa de um trabalho de 2 anos de recuperação para conseguir voltar a vida.
Depois do acidente eles tiveram muita cobrança por todos os lados, por serem apoiados pela Vale e ser a única organização com força que trabalhava com a questão direta do Rio Doce.
Eles demonstraram muito interesse em participar junto conosco, inclusive com a participação dos jovens (Entre 20 a 25 anos), participando da formação do Oasis e replicando isso em outras regiões. Os jovens são formados por diversas regiões entre Minas e Espirito Santo.
possibilidade de fazer um conversa com os jovens amanhã junto de outras pessoas do Instituto.

Seguimos com um novo contato, agora na universidade UNIPAC.
Conseguimos falar com o Carlos, Coordenador de Ciências Biológicas.
A conversa foi incrível, ele se colocou a disposição para nos ajudar a fazer contatos com a rede de Aimorés.
Ele vai participar da formação e também vai divulgar entre os alunos, disse que a maioria dos alunos tiveram suas vidas afetadas pelo Rio Doce e que com certeza vão participar e se interessar pela vivência Oasis. Nos disse também que os alunos tem o perfil forte de realização, o que nos animou muito.

Além de nos colocar em contato com o Secretário de Meio Ambiente, disponibilizou uma sala para explicarmos a quem interessar sobre o projeto.
Ele vai divulgar para os alunos e nós também pedimos para ser feito o convite para todos os possíveis interessados de diferentes redes e vivências.
Amanhã, às 19h, nós iremos falar com todos.
Saindo da reunião com o Carlos seguimos caminho para conhecer a comunidade de Barra Manhuaçu.
Lá uma placa nos chamou atenção, “vende-se minhoca”, paramos para perguntar se eles ainda vendiam minhoca, e Francisco e Iracir nos convidaram para entrar e dar uma olhada no cultivo. Francisco disse que infelizmente depois do desastre a pesca diminuiu bastante e consequentemente a venda das minhocas. É uma comunidade com associação de pescadores que foram diretamente afetadados pelo Rio Doce.
Um grande detalhe desta comunidade é que se localiza em uma área de alagamento, todo ano na época de chuva eles passam por alagamento, eles nos mostraram a marca na parede de quando a água entra na casa deles.
Dona Iracir nos levou para conhecer a prainha que hoje já não é mais frequentada e a praça onde ocorre uma famosa feirinha, que iremos conhecer quinta-feira.
Por último fomos conversar com a Josi, que trabalha com projetos sociais dentro do Aliança Energia responsável pela distribuição de energia das regiões de Minas.
Ela nos convidou para o evento que havia participação de pessoas de diversas regiões, que estava sendo ministrada pelo Sebrae.
A Josi tem muito contato na região, ela é de Baixo Guandu e tem contato com pessoas de diferentes atuações, ela e o Carlos agendaram uma reunião com o James e Normilda da prefeitura de Aimorés, vamos falar com eles na quinta no almoço.
Ela deu a ideia de enviar um convite a todos por Whatsapp, disse que funciona muito bem e iria noa ajudar a divulgar.
Também nos forneceu uma lista grande de nomes que devemos fazer contato e também de uma pessoa da EDP.
Esse foi o segundo dia!
Fico muito animado de ver como as pessoas estão abertas aqui nas duas regiões.
Todos os contatos que conseguimos fazer foram incríveis e estamos ansiosos para os próximos.
Abraços

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s